segunda-feira, 19 de junho de 2017

170º dia, Nossa Senhora Refúgio dos Pecadores


Por Deiber Nunes Martins
Em Savona, na Itália, na manhã de 15 de março de 1536, um camponês, Antônio Botta, assustou-se, quando ouviu uma voz junto às parreiras de uva. A voz lhe dizia: “Não temas! Eu sou a Virgem Maria.” Tempos depois, Nossa Senhora voltou a aparecer ao camponês e como mensagem disse que o mundo teria sérios problemas e seria duramente castigado se não se voltasse à oração e as obras de caridade. Após ouvirem do camponês o recado, houve grande mudança de vida entre o povo e inúmeras conversões.
A partir daí, Maria passou a ser conhecida como Refúgio dos Pecadores.
Tempos mais tarde, em 1745, na cidade de Bruchhansen, na Alemanha, a imagem de Nossa Senhora Refúgio dos Pecadores por diversas vezes, verteu lágrimas, gerando grande repercussão entre os moradores da cidade.
OREMOS:
Nossa Senhora Refúgio dos Pecadores, é aos teus pés que venho, com desejo de mudar de vida, renovar minha relação com o Senhor. Ajuda-me neste propósito, pois anseio ter uma vida nova, livre das amarras do pecado e dos vícios. Ajuda-me oh Mãe, a evitar o caminho do pecado a todo custo e sempre me mostre o caminho para Deus. Que eu possa ser instrumento do Pai, para as outras pessoas e que assim possa ser luz para o mundo.
Nossa Senhora Refúgio dos Pecadores, velai por nós!

REFERÊNCIA:
ZANON, Frei Darlei. Nossa Senhora de Todos os Nomes – Orações e História de 260 Títulos Marianos. São Paulo: Ed. Paulus, 2014.


Nenhum comentário: